Magic Online NÃO é a próxima geração do futuro…

por Camilo Bogado

Como bons nerds que somos, nós do GoLuck já tivemos nosso momento onde Magic: The Gathering era nosso maior passatempo. Não só isso, Magic (junto com RPG e videogame, claro) foi um dos principais responsáveis por fomentar nossa amizade, lá nos idos de 2000…

Mas o tempo passa, o tempo voa, e nós vamos mudando nossas prioridades. Aqueles fins de semana trocando cartas (ops, cards), indo a torneios e similares foram sendo substituídos por atividades diferentes, como namorar (bem melhor, claro).

Claro que não sendo um evento isolado a alguns garotos cubatenses, a Wizards of the Coast (editora dos tais cards) lançou em julho de 2002 sua versão online. Tive o prazer de ser um dos Beta testers, antes mesmo dessa data já tinha minha conta lá, e com idas e vindas, continuo com ela ativa.

Senta que lá vem história

Em meados de 2005 o jogo já contava com sua segunda versão, e a Wizards anunciou o lançamento da terceira versão do jogo online para 2006. Algumas das inovações prometidas era um avanço gráfico, onde os avatares que representam seu personagem seriam 3D, acréscimo de servidores múltiplos (o jogo só tinha um servidor, então quando dava problema ninguém conseguia jogar…) e algumas outras perfumarias.

Pois 2006 chegou e passou, e nada da v3, só de vez em quando era liberada alguma imagem, mas que pouco dizia sobre o que iria mudar nessa nova versão do jogo. Em 2007 começaram os testes beta, e pela demora em um anúncio oficial de data, dava pra se temer algo. Por fim, no começo do ano, a Wizards jurou de pés juntos que no começo de 2008, finalmente, a terceira versão do jogo sairia. E realmente, em 19 de abril de 2008, as portas da v2 foram fechadas e todos foram “felizes e saltitantes” para as garras da v3.

“Pequeno” bug visual no jogo. E isso não é o pior…

V3 – Exemplo de como não fazer um upgrade

Logo de cara, todos ficaram estarrecidos com a porcaria que estavam vendo. Os tais “ambientes gráficos” eram horríveis, o jogo continuava com apenas um servidor principal, e toda sorte de problemas que se pode imaginar aconteceram no lançamento. Pra quem não conhece o jogo, e principalmente o ambiente online do jogo, fica difícil imaginar, mas pensem em um jogo de RPG onde em determinado momento os seus personagens perdem todos os seus níveis, a sensação seria parecida com o que acontece com a v3.

Algumas modalidades de partida, como as extremamente divertidas Ligas, e os eventos Premier (esse último seria uma modalidade de torneio oficial da versão online) ainda não deram as caras, com previsão de testes para Julho e, se tudo der certo, lançamento em Agosto. Enquanto isso, 2 novas expansões vão ser lançadas fisicamente, e todos aqueles que usam a versão online para treino não vão ter como faze-lo com os novos cards.

Os impactos negativos dessa burrada já estão sendo sentidos, muitos jogadores estão deixando o mundo do Magic Online de lado, e podem até mesmo deixar de jogar de vez. A Wizards tenta correr atrás para acertar a cagada, mas pelo menos até agora não há boas notícias a serem aguardadas. Como fã do jogo, fico preocupado se o Magic Online sobrevive a esse inverno tenebroso.

Anúncios

6 comentários sobre “Magic Online NÃO é a próxima geração do futuro…

  1. é…

    Eu jogava Magic… ainda tenho um Deck verde e vermelho da qual me orgulho de ter montado (ficou faltando a carta “obliterar”, mas dane-se)…
    Nunca curti RPG de dados e os caray… acho muito chato… agora magic online é de doer… baixei aquele apprentice e detestei…

  2. Eu jogava no app, pra participar dos campeonatos da Liga Magic. Mas Magic Online eu nunca arrsiquei, o mais legal do Magic era ter as cartas na pasta e o deck e tal…

    Mas como pode uma atualização ser tão desastrosas? Será o fim do Magic? Hum…

  3. Tiago Cabral

    Putz Lucas, entrei aqui para comentar justamente o que vc já disse. Nunca me arrisquei a jogar Magic Online pois o tesão de jogar Magic (quando eu jogava) era justamente para ver a arte das cartas, ter a surpresa de uma carta rara ou uma nova muito boa sempre que comprava um pacotinho nas bancas e alêm disso colecionar. Tenho minha pasta até hoje, tenho os Decks com minhas cartas estratégicamente separadas por cores e tudo mais e isso é uma coisa que nunca vou jogar fora ou dar, eu adoro ver aquelas cartas mesmo não jogando mais. Existem coisas que não deviam ter evolução, e acho que Magic é uma delas.

  4. Pow Tiago, eu tinha muitas cartas e alguns decks montados, mas vendi tudo numa época que precisava de grana pra comprar o PC que estou usando agora XD

    Sinto falta de ter todas aquelas cartas que consegui com maior esforço e tal, mas é a vida XD Eu ainda tneho os meus 30 Cabrito Montes! lol

  5. véi eu tenho um deck até hj qe nunca vou largalo só falta axar uns caras pra jogar aki na minha cidade qase ninguem joga issu é foda axar alguem qe jogue isso por aki por enqanto vou jognado comigo msm todos os dias

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s